Resenha do livro Sovereignty as symbolic form, de Jens Bartelson

Wagner dos Santos Martins

Resumo


BARTELSON, Jens. Sovereignty as symbolic form. New York: Routledge, 2014, 134p.

A soberania estatal é considerada pelos teóricos políticos como um conceito central para as Relações Internacionais. O livro Sovereignty as symbolic form de Jens Bartelson foca em como ir além dos debates contemporâneos sobre soberania e os impasses que eles criaram na tentativa de sua compreensão, variando desde visões que a consideram um atributo dado e exógeno aos Estados, enquanto outros, fortificados pelo fenômeno conhecido como “Virada linguística”, argumentam estar a soberania intimamente ligada às ações humanas, aos contextos históricos, não sendo, portanto, atemporal e imutável.


Palavras-chave


Jens Bartelson

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista Estudos Políticos

 

 

 INDEXADORES E BASES:

  

   

 

       

AGÊNCIAS DE FOMENTO: