OS BEBÊS E A DANÇA NA EDUCAÇÃO INFANTIL: entre convites sensíveis e contágios corporais-afetivos. BABIES AND DANCE IN CHILDREN EDUCATION: between sensitive invitations and bodily-affective contagion

Autores

  • Daniela Guimarães
  • Carolina Cony

DOI:

https://doi.org/10.22409/revistaleph.v0i31.39283

Palavras-chave:

Educação Infantil. Bebês. Dança. Child education. Babies. Dance.

Resumo

Este trabalho apresenta uma experiência instituinte em uma escola de Educação Infantil universitária. Focaliza situações vividas em encontros de dança com o grupo de bebês da referida escola, coordenados por uma artista-dançarina e professora. Neste contexto, são descritos e analisados os convites-sensíveis da professora à expressão criadora das crianças. Discute-se a experiência estética na Educação Infantil, inclusive com as crianças de 0 a 2 anos, destacando-se a potência simbólica e a qualidade social e humanizadora dos gestos dos bebês mobilizados com a dança.

 

This work presents an instituting experience in a university Early Childhood school. It focuses on situations experienced in dance encounters with the group of babies of the referred school, coordinated by an artist-dancer and teacher. In this context, the teacher's invitations to the creative expression of children are described and analyzed. The aesthetic experience is discussed in Childhood Education, including children from 0 to 2 years old, highlighting the symbolic power and the social and humanizing quality of the gestures of the babies mobilized with the dance.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ARAÚJO, Márcia Feijó de. Linguagem corporal, docência e teoria crítica. Dissertação de Mestrado. Faculdade de Educação, UFRJ, 2014.

BARBOSA, Maria Carmen Silveira. FOCHI, Paulo Sergio. O teatro e os bebês: trajetórias possíveis para uma pedagogia com crianças pequenas. Espaços da escola. Editora Unijuí, ano 21, n. 69, jan.jun. 2011, p. 29-38.

BENJAMIN, Walter. Reflexões: a criança, o brinquedo, a educação. São Paulo: Summus, 1984.

BENJAMIN, Walter. Obras escolhidas: magia e técnica, arte e política. São Paulo: Editora Brasiliense, 1993.

ISSN 1807-6211 [Dezembro, 2018] Nº 31 524

BAKHTIN, Mikhail. Estética da Criação Verbal. São Paulo: Martins Fontes, 2011.

BRASIL. MEC/SEB. Resolução nº 5, de 17 de dezembro de 2009 que fixa as Diretrizes Curriculares Nacionais da Educação Infantil. Brasília, MEC/SEB, 2009.

CASTRO, Joselma Salazar de. A constituição da linguagem entre os e dos bebês no espaço coletivo da educação infantil. Texto apresentado no GT7 da 36a Reunião da ANPED, 2013.

COUTINHO, Ângela Maria Scalabrin. A ação social dos bebês: um estudo etnográfico no contexto da creche. Tese de Doutorado. Instituto de Educação – Universidade do Minho – Minho, Portugal 2010.

FARACO, Carlos Alberto. Aspectos do pensamento estético de Bakhtin e seus pares. Letras de Hoje, Porto Alegre, v. 46, n. 1, p. 21-26, jan./mar. 2011.

GIL, José. Movimento total. São Paulo: Iluminuras, 2004.

GUIMARÃES, Daniela. As relações entre os bebês e os adultos na creche: o cuidado como ética. São Paulo: Cortez, 2011.

LABAN Rudolf. Domínio do movimento. São Paulo: Summus, 1978.

MARTINS FILHO, Altino José. Educar na creche: uma prática construída com os bebês e para os bebês. Porto Alegre: Editora Mediações, 2016.

OLIVEIRA, Roberto Cardoso de. O trabalho do antropólogo: olhar, ouvir e escrever. Revista de Antropologia. São Paulo v. 39 (1), 1986.

PINO, Angel. As marcas do humano. São Paulo: Cortez, 2005.

RAMOS, Tacyana Karla Gomes Ramos. A criança em interação social no berçário da creche e suas interfaces com a organização do ambiente pedagógico. Tese (Doutorado em Educação). Universidade Federal de Pernambuco. Recife, 2010.

STRAZZACAPPA, Marcia. A educação e a fábrica de corpos: A dança na escola. Cadernos Cedes, ano XXI, no 53, abril/2001 p.69-83.

SCHMITT, Rosinete Valdeci. As relações sociais entre professoras, bebês e crianças pequenas: contornos da ação docente. Tese (Doutorado em Educação). Programa de Pós-Graduação em Educação – Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, 2014.

WALLON, Henri. A evolução Psicológica da criança. Lisboa/Portugal: Edições 70, 2005

WALLON, Henri. Do ato ao pensamento: ensaio de Psicologia Comparada. Petrópolis/RJ: Vozes, 2008.

Downloads

Publicado

2018-12-20

Como Citar

Guimarães, D., & Cony, C. (2018). OS BEBÊS E A DANÇA NA EDUCAÇÃO INFANTIL: entre convites sensíveis e contágios corporais-afetivos. BABIES AND DANCE IN CHILDREN EDUCATION: between sensitive invitations and bodily-affective contagion. RevistAleph Ou Revista Aleph UFF, (31). https://doi.org/10.22409/revistaleph.v0i31.39283