CONTRIBUIÇÕES DA VIA CAMPESINA EM PROCESSOS EDUCATIVOS AGROECOLÓGICOS NA AMÉRICA LATINA

Aparecida Lima, Janaina Stronzake, Judite Stronzake, Rosangela Faustino

Resumo


O objetivo deste texto é analisar a constituição das experiências de educação construídas pelos trabalhadores do campo, organizados na Via Campesina Internacional, com atuação na América Latina. Por meio de análise documental e observação participativa, explicitamos a articulação e as iniciativas dos Movimentos Sociais Populares do Campo sobre a educação, a formação humana, política e técnica de seus membros e de militantes de outros movimentos, como os urbanos. A Via Campesina Internacional qualifica os sujeitos do campo para atuar de forma consciente nos processos da organização política e econômica nas comunidades camponesas, nos quais se inclui a agroecologia.

Palavras-chave


Movimentos sociais do campo; la via campesina; formação em agroecologia.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/tn.13i22.p9595

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Fontes de Indexação:

   

     logo_livre2.png     https://periodicos.uff.br/public/site/images/zuleidesilveira/REDIB.jpg   

Apoio:

          Resultado de imagem para abec brasil logo             

 

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Contador de visitas
Contador de visitas

acessos a partir de 21/09/2018.