A Pequena Política e as Fake News contra a Candidata Mulher nas Eleições Presidenciais de 2018

Rejane GADELHA, Roberta KERR

Resumo


Este artigo faz parte das pesquisas realizadas pelo Núcleo de Estudos e Pesquisas em Filosofia Política e Educação (NuFiPE), da Universidade Federal Fluminense (UFF), e se propõe analisar as fake news – notícias falaciosas nas redes virtuais – contra a candidata mulher Manuela d’Ávila no cenário eleitoral brasileiro, em 2018. A análise está consubstanciada pelos pressupostos metodológicos da filosofia da práxis, em aspectos tratados no Caderno do Cárcere 13 de Antonio Gramsci, abordando elementos que envolvem a pequena e grande políticas. Almeja-se refletir sobre possíveis impactos das fakes news na consolidação da liderança política, cultural e ideológica que constitui a hegemonia dos grupos dominantes via estratégias de persuasão e manipulação em ambientes multimidiáticos/tecnológicos. Urge, ainda, abordar a questão da mulher na política e, por fim, pensar quais são as possibilidades de organização e conscientização popular dos desfavorecidos em prol da concepção do real para superar o senso comum, alcançando uma visão crítica.

Palavras-chave


Educação; Filosofia; História; Ciências Sociais; Educação Popular

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Encontros com a Filosofia



APOIO

        

   

Fontes de indexação: