A UBERIZAÇÃO DO TRABALHO DOCENTE NO BRASIL: UMA TENDÊNCIA DE PRECARIZAÇÃO NO SÉCULO XXI

Amanda Moreira da Silva

Resumo


Resultado de uma pesquisa recém-concluída, tendo como base o materialismo histórico dialético, o presente artigo identifica a uberização como uma tendência do trabalho no século XXI e busca analisar como isso se estende para os trabalhadores docentes do setor público. Destacou-se o impacto das condições contratuais de trabalho por tempo determinado, sob as quais os professores da educação básica estão inseridos, trazendo como protótipo uma forma de contratação existente na rede estadual de São Paulo e novas tentativas de uberização ocorridas em outras redes públicas brasileiras

Palavras-chave


Trabalho Docente; Precarização; Uberização

Texto completo:

PDF

Referências


ABÍLIO, L. C. Uberização do trabalho: subsunção real da viração. Blog da Boitempo, 2017. Disponível em: https://blogdaboitempo.com.br/2017/02/22/uberizacao- dotrabalho-subsuncao-real-da-viracao/. Acesso em: 06 jul. 2017.

ARANHA, W. L. A. Professores eventuais nas escolas estaduais paulistas: ajudantes de serviço geral da educação? 2007. 102f. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Ciências e Letras, Universidade Estadual Paulista, Araraquara, 2007.

BASÍLIO, J. R. Contratos de trabalho de professores e a construção da condição docente na escola pública paulista (1974-2009). 2010. 122f. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2010.

BRASIL. Lei nº 9394/1996, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, 1996.

. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado, 1988.

. Lei 13.415, de 16 de fevereiro de 2017, Altera as Leis nos 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, e 11.494, de 20 de junho 2007, que regulamenta o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação, a Consolidação das Leis do Trabalho - CLT, aprovada pelo Decreto-Lei no 5.452, de 1o de maio de 1943, e o Decreto-Lei no 236, de 28 de fevereiro de 1967; revoga a Lei no 11.161, de 5 de agosto de 2005; e institui a Política de Fomento à Implementação de Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral, 2017.

CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO. Parecer nº 01/2017. Projeto de Lei Complementar que dispõe sobre o credenciamento de professores substitutos para ministrarem aulas avulsas surgidas na rede municipal de ensino de Ribeirão Preto, 2017. Disponível em: https://www.ribeiraopreto.sp.gov.br/seducacao/conselho/i15ind- conselho.php. Acesso em: 18 jul. 2017.

FONTES, V. Formação dos trabalhadores e luta de classes. Trabalho Necessário.

Ano 14, n. 25, 2016.

. Capitalismo em tempos de uberização: do emprego ao trabalho. Marx e o Marxismo, v. 5, n. 8, jan./jun. 2017.

FREITAS, L. C. Charterização e Uberização: destruindo profissões. Blog do Freitas, 2016. Disponível em: https://avaliacaoeducacional.com/2016/12/18/charterizacao-e- uberizacaodestruindo-profissoes/. Acesso em: 05 abr. 2017.

GESQUI, L. C. Formação e condições de professores eventuais atuantes na rede pública estadual. 2009. Disponível em:

http://www.anped.org.br/reunioes/32ra/arquivos/trabalhos/GT08-5344--Int.pdf. Acesso em: 29 nov. 2011.

MOREIRA, R. Prefeitura de Ribeirão Preto planeja criar ‘Uber do Professor’. Estadão, 2017. Disponível em: https://www.acidadeon.com/cotidiano/NOT,2,6,1262086,Prefeitura+de+Ribeirao+Pret o+planeja+criar+Uber+do+Professor.aspx. Acesso em: 18 jun 2018.

MOURA, C. B. A precarização do trabalho docente nas escolas estaduais paulistas. 2013. 127f. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Filosofia e Ciências, Universidade Estadual Paulista, Marília, 2013.

PETROLINA/PE (Município). Credenciamento nº 006/2017. Processo administrativo nº 267/2017, 2017.

POCHMANN, M. Entrevista. Revista Poli: saúde, educação e trabalho. Ano IX, Nº 48, Rio de Janeiro. nov./dez. 2016a.

PARTIDO DA SOCIAL DEMOCRACIA BRASILEIRA. Prefeitura tucana cria “Uber da educação”. 2017. Disponível em: http://www.psdb.org.br/acompanhe/noticias/prefeituratucana-cria-uber-da-educacao/. Acesso em: 15 jul. 2017.

SALDAÑA, P. Ausência de professor da rede pública chega a 30 dias no ano no Estado de SP. São Paulo: Folha de São Paulo, 2017. Disponível em: https://www1.folha.uol.com.br/educacao/2017/07/1903769-ausencia-deprofessor-da- rede-publica-chega-a-30-dias-no-ano-no-estado-de-sp.shtml. Acesso em: 26 set.2017.

SILVA, A. M. Tempo e Docência: dilemas, valores e usos na realidade educacional. Jundiaí: Paco Editorial, 2017.

. Dimensões da precarização do trabalho docente no século XXI: o precariado professoral e o professorado estável-formal sob a lógica privatista empresarial nas redes públicas brasileiras. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2018.

SLEE, Tom. Uberização: a nova onda do trabalho precarizado. São Paulo: Editora Elefante, 2017.

SOUZA, A. N. A modernização do trabalho de professores: processos de precarização e ataque ao trabalho. In: 36º ENCONTRO ANUAL DA ANPOCS. 2012. Anais... Águas de Lindóia/SP, 2012. Disponível em: https://anpocs.com/index.php/papers-36- encontro/gt-2/gt08-2/7923-amodernizacao-do-trabalho-de-professores-processo-de- precarizacao-e-ataque-aotrabalho/file>. Acesso em: 23 set. 2017.

. Professores, modernização e precarização. In: ANTUNES, Ricardo (Org). Riqueza e Miséria do Trabalho no Brasil II. São Paulo; Boitempo, 2013. (p. 217-227).

SOUZA, E. P. O papel contraditório do professor eventual da rede pública de ensino do Estado de São Paulo na articulação das relações de trabalho e profissão docente: “lúmpen-professorado”?. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Humanidades e Direito, Universidade Metodista de São Paulo, São Bernardo do Campo, 2012.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Pesquisa Nacional

por Amostra de Domicílios Contínua. 2019. Disponível em: https://agenciadenoticias.ibge.gov.br/agencia-noticias/2012-agencia-de- noticias/noticias/24283-desemprego-sobe-para-12-7-com-13-4-milhoes-de-pessoas- em-busca-de-trabalho. Acesso em: 18 jun. 2019.

THOMPSON. E. P. Costumes em comum: estudos sobre a cultura popular tradicional. São Paulo: Companhia das Letras. 2011.

VENCO, S. Situação de quasi-uberização dos docentes paulistas? Revista da ABET,

v. 17, n. 1, janeiro a junho de 2018.

. Uberização do trabalho: um fenômeno de tipo novo entre os docentes de São Paulo, Brasil? Caderno de Saúde Pública, 35, 2019




DOI: https://doi.org/10.22409/tn.17i34.p38053

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Fontes de Indexação:

        

 

Apoio:

          Resultado de imagem para abec brasil logo

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Contador de visitas
Contador de visitas

acessos a partir de 21/09/2018.