A EDUCAÇÃO PARA ASTRONOMIA NO ENSINO FUNDAMENTAL: UMA REFLEXÃO ENTRE PROFESSORES E PESQUISADORES

Alessandra Daniela Buffon, Marcos Cesar Danhoni Neves

Resumo


A pesquisa tem como ponto central compreender o grau de importância que os professores atribuem ao Ensino de Astronomia no Ensino Fundamental, assim como, entender os saberes docentes necessários que permitem o enfrentamento dos desafios do cotidiano escolar / acadêmico. Desse modo, estabelecem-se como problemas, inquietudes como: “Qual a importância da Astronomia no Ensino?” e “O que é necessário fazer para ampliar a Astronomia na sala de aula?”. Para responder esses questionamentos, os interlocutores da pesquisa são docentes da disciplina de Ciências (Brasil) / Físico-química (Portugal) e pesquisadores da área de formação de professores do Ensino de Astronomia do Brasil e de Portugal. A metodologia utilizada para coleta e análise de dados rege os princípios fenomenológicos. Como resultado, percebe-se que a importância da Astronomia para o ensino é estabelecida por cinco aspectos: os conteúdos relacionados ao tema; a curiosidade; o gosto do aluno; o interesse pela Ciência; e as questões culturais. Para ampliar a Astronomia em sala de aula, é necessário dar atenção também para cinco apontamentos: os relatos de experiência; o aperfeiçoamento e a formação docente; os recursos didáticos; a ampliação de tempo; e as atividades experimentais e extracurriculares. Conclui-se que, para conquistar um ensino de qualidade para os estudantes, é preciso dar voz aos professores que enfrentam os desafios de introduzir a Astronomia diariamente nas escolas, a fim de oportunizar formações continuadas voltadas às necessidades emergentes dos docentes.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22409/resa2017.v10i1.a21247

Apontamentos

  • Não há apontamentos.