ESTUDO GERACIONAL APLICADO AO GRUPO DE ORIENTADORES EDUCACIONAIS DE SÃO JOÃO DA BARRA COMO ESTRATÉGIA PARA REDUÇÃO DE CONFLITOS NO AMBIENTE EDUCACIONAL

Autores

Palavras-chave:

teoria geracional, gestão de conflito, jigsaw.

Resumo

Este artigo apresenta a síntese de uma pesquisa bibliográfica e aplicação de oficina formativa voltada à teoria das gerações. O objetivo, alcançado parcialmente de forma satisfatória, junto a 25 Orientadores Educacionais, foi aumentar o cabedal de recursos analíticos do profissional que precisa compreender as diferenças na criação de sentidos que incidem sobre as ações e reações do alunado. E dessa forma, ser mais um repertório estratégico na gestão de conflitos e compreensão das diferenças no contexto das relações pautadas na pluralidade. A aplicação da oficina foi inspirada no método cooperativo de aprendizagem Jigsaw, estando dentro dos pressupostos da metodologia ativa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cláudio Adão Moraes Andrade

Secretaria Municipal de Educação e Cultura de São João da Barra, RJ, Brasil. Mestrando do Programa de Educação Profissional e Tecnológica do IFF (PROFEPT).

Referências

ANDRADE, C.A.M.. Mercantilização da educação básica e sua relação com o PNE. Mundo Livre: Revista Multidisciplinar Discente, v. 5, n. 1, 2019, p. 63 - 78. Disponível em: http://periodicos. uff.br/mundolivre/article/view/39977. Acesso em: 07 jan. 2020.

ANDRADE, S. I.; MENDES, P.; CORREA, D.A.; ZAINE, M. F.; OLIVEIRA, A. T. (2012). Conflito de gerações no ambiente de trabalho: um estudo em empresa pública. In: SIMPÓSIO DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO E TECNOLOGIA, 9, 2012, Resende, RJ, Brasil Anais.... Resende, SEGeT, 2012. p. 1-12. Disponível em: https://www.aedb.br/seget/arquivos/artigos12/10416476.pdf. Acesso em: 16 dez. 2019.

BRAVERMAN, H. Trabalho e capital monopolista. Rio de Janeiro: Zahar, 1980. BOURDIEU, P. Sobre o poder simbólico. In: BOURDIEU, Pierre. O poder simbólico. Lisboa: Editora Edições 70, 2011.

COCHITO, M. Cooperação e aprendizagem: educação intercultural. Lisboa: Acime, 2004.

DANTAS, V. A guerrilha tecnológica: a verdadeira história da política nacional de informática. Rio de Janeiro: LTC-Livros Técnicos e Científicos Ed., 1988. Disponível em: http://www.scielo.br/ sielo.php?script=sci_nlinks&ref=000118&pid=S0104-5970200300020000800003&lng=en. Acesso em: 20 nov. 2019.

DURKHEIM, E. Regras do método sociológico. São Paulo: Martins fontes, 1995.

ESTRADA, A. A. Os fundamentos da teoria da complexidade em Edgar Morin. Akrópolis Umuarama, v. 17, n. 2, p. 85-90, abr./jun,. 2009. Disponível em: http://webcache.googleusercontent.com/search?q=cache:uy-B_XLcNcJ:www.revistas.uniparbr/index. php/akropolis/article/download/2812/ 2092+&cd=1&hl=pt-BR&ct=clnk&gl=br .Acesso em: 13 dez. 2019. GIACAGLIA, L. R. A.; PENTEADO, W. M. A. Orientação educacional na prática: princípios, técnicas, instrumentos. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2002. GRABOWSKI, G. Gestão e planejamento da educação profissional e tecnológica. Curitiba, 2014. (Col. Coleção Formação Pedagógica, volume 6). Disponível em: http://curitiba.ifpr.edu.br/wp-ontent/uploads/2016/05/Gest%C3%A3o-e-planejamento-da-educa%C3%A7%C3%A3o-profissional-e-tecnol%C3%B3gica.pdf. Acesso em: 17 dez. 2019. GUIZZO, É. Internet: o que é, o que oferece, como conectar-se. Editora Ática, 1999. Disponível em: http://webcache.googleusercontent.com/search?q=cache:MItP1E JDDBMJ:www.joinville.udesc. br/portal/professores/claudinei/materiais/TOCI_07_slide_02_Introducao.pdf+&cd=7&hl=pt-BR&ct= clnk&gl=br. Acesso em: 20 jan. 2020.

JACQUES, T. C.; PEREIRA, G. B.; FERNANDES, A. L.; OLIVEIRA, D. A. Geração Z: peculiaridades geracionais na cidade de Itabira-MG. Revista Pensamento Contemporâneo em Administração, v. 9, n. 3, 2015, p. 67 – 85. Disponível em: http://periodicos.uff.br/pca/article/view/11226. Acesso em: 17 dez. 2019.

JOHNSON, D. W.; JOHNSON, R. T.; SMITH, K. A. A aprendizagem cooperativa retorna às faculdades: qual é a evidência de que funciona? In Change, v. 30, n. 4, p. 26, jul./ago. 1998.

JOHNSON, D.W.J; JOHNSON, R.; HOLUBEC ,T.E.J. Aprendizagem cooperativa em aula. Buenos Aires: Edições Paidós Ibérica SA, 1999. Disponível em: https://www.ucm.es/data/cont/docs/1626-2019-03-15-JOHNSON%20El%20aprendizaje%20coopera tivo%20en%20el%20aula.pdf. Acesso em: 18 dez. 2019.

MATTOS, S. O resgate da memória e a construção da história da televisão no Brasil. Salvador: EDUFBA, 2007. (Sala de Aulas séries, n. 4.) Disponível em: http://books.scielo.org/id/387/pdf/mattos-9788523208943-04.pdf : 5 jan. 2020.

MANNHEIM, K. O problema sociológico das gerações. Tradução Cláudio Marcondes. In: M. M. Foracchi (Org.). Karl Mannheim: Sociologia, São Paulo: Ática, 1982, p. 67-95.

MOREIRA, S. V. O rádio no Brasil. Rio de Janeiro: Rio Fundo Editora, 1991.

NICOLACI-DA-COSTA, Ana Maria. Impactos psicológicos do uso de celulares: uma pesquisa exploratória com jovens brasileiros. Psicologia: Teoria e Pesquisa, v. 20, n. 2, maio/ago., 2004, p. 165 - 174. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/ptp/v20n2/a09v20n2.pdf. Acesso em: 06 jan. 2020.

NOVAES S. Perfil geracional: um estudo sobre as características das gerações dos Veteranos, Baby Boomers, X, Y, Z e Alfa. SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE GESTÃO DE PROJETOS, 7, 2018, Água Branca, São Paulo. Anais... São Paulo: SINGEP, 2018. p. 1-10. Disponível em: https://singep.org.br/7singep/resultado/428.pdf. Acesso em: 5 dez. 2019.

PATELA, Nelma. O perfil geracional do alunos de hoje - repto à emergência de novas teorias educativas. E-Revista de Estudos Interculturais do CEI – ISCAP , n. 4, maio, 2016. Disponível em: https://www.iscap.pt/cei/e-rei/n4/artigos/Nelma-Patela_O-Perfil-Geracional-dos-Alunos-de-Hoje.pdf. Acesso em: 28 dez. 2019.

SANTOS NETO E.; FRANCO E. S. F. Os professores e os desafios pedagógicos diante das novas gerações: considerações sobre o presente e o futuro. Revista de Educação do Cogeime, v. 19, n. 36, jan./jun., 2010. Disponível em: http://www.cogeime.org.br/wp-content/uploads/2011/11/36Artigo01.pdf . Acesso em: 15 dez. 2019.

TEODORO, D. L.; QUEIROZ, S. L. Panorama das pesquisas sobre aprendizagem cooperativa no ensino de ciências. Investigação em Ensino de Ciências, v. 24, n. 3, 2019, p. 1-30. Disponível em: http://www.nutes.ufrj.br/abrapec/viiienpec/resumos/R0803-1.pdf. Acesso em: 13 dez. 2019.

VASCONCELLOS, M. J. E. Pensamento sistêmico: novo paradigma da ciência. Campinas: Papirus, 2002. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1518-614820030 00100013. Acesso em: 16 dez. 2019.

VIANA, M. A.; SARSUR, A. M.; GOULART, I.; SANT’ANNA, A. S. Grupos geracionais e comprometimento: discussões e descobertas em uma Universidade Pública Federal. ENCONTRO DE GESTÃO DE PESSOAS E RELAÇÕES DE TRABALHO, 4, 2013. Brasília. Anais.... GPR.

ANPAD, 2013. p. 1-16. Disponível em: http://www.anpad.org.br/admin/pdf/EnGPR22.pdf. Acesso em: 9 jan. 2020.

VIEIRA. A. P. Direito autoral na sociedade digital. . 2 ed. São Paulo: Monte Cristo Editora, 2018. Disponível em: https://books.google.com.br/books?id=5SllDwAAQBAJ&pg=PT83&l pg=PT83&dq=%E2%80%9Cnasce+uma+nova+forma+de+comunica%C3%A7%C3%A3o+que+ligar%C3%A1+por+computador+milh%C3%B5es+de+pessoas+em+escala+planet%C3%A1ria&source=bl&ots=_oRfFcUOg&sig=ACfU3U0xmnCRcPEeLNa0Sc90RqQ2K97EdQ&hl=pt-BR&sa=X&ve d=2ahUKEwj7jJipxrDiAhVNH7kGHaBlDfEQ6AEwBXoECAgQAQ#v=onepage&q=escala%20pla net%C3%A1ria&f=false. Acesso em: 21 nov. 2019.

Downloads

Publicado

2020-06-30

Como Citar

Andrade, C. A. M. (2020). ESTUDO GERACIONAL APLICADO AO GRUPO DE ORIENTADORES EDUCACIONAIS DE SÃO JOÃO DA BARRA COMO ESTRATÉGIA PARA REDUÇÃO DE CONFLITOS NO AMBIENTE EDUCACIONAL. Mundo Livre: Revista Multidisciplinar, 6(1), 37-55. Recuperado de https://periodicos.uff.br/mundolivre/article/view/43265

Edição

Seção

Artigos